Como entrar em forma sem dinheiro ? 'Não use a crise financeira como desculpa para não entrar em forma’, diz coach e diva fitness

Gabi Lubies aponta 8 dicas para melhorar a sua saúde e forma física mesmo se não tiver como contratar um profissional

Devido a crise financeira, muitos podem alegar que o obstáculo entre o corpo dos sonhos e a realidade é a falta de dinheiro para investir em um acompanhamento nutricional. E agora, o que fazer?

A coach e diva fitness Gabi Lubies revela que é possível se aproximar mais do objetivo mesmo em tempos de falta de grana: "não é por não ter dinheiro sobrando que você não pode adotar algumas atitudes desde já e iniciar um processo de mudança visando a melhora de sua saúde. Obviamente o melhor seria se pudesse ter algum profissional te orientando, mas até que isso seja possível, mude já”.

Gabi fez uma lista com algumas ações que podem fazer a diferença, colocando você em um caminho mais saudável de rotina e alimentação:

Mais saladas e vegetais, menos comida ruim

Aumente o consumo de salada, legumes e vegetais. Inicie a alimentação comendo esse tipo de nutriente, para que eles deem saciedade e faça com que os demais alimentos sejam ingeridos em menor quantidade.

Quantidade não é qualidade

Diminua a quantidade nas porções das refeições. Se antes você comia 03 colheres de arroz, por exemplo, passe para duas. Faça isso em especial para as porções dos carboidratos.

Evite frituras

Substituta frituras por preparos mais saudáveis: assados, cozidos, in natura.

Diminua os industrializados

Diminua a ingestão de refrigerantes, bebida alcoólica, fast food e de açúcar. Comece restringindo esse consumo para uma ou duas vezes na semana e vá diminuindo conforme for sentindo mais confiança. Troque as sobremesas, pelo menos durante a semana, por uma porção pequena de fruta ou gelatina sem açúcar.

Seja moderado

Até o alimento dito como “saudável”, “fit”, “light”, precisa ser ingerido comedidamente. Nada em demasia é bom, então não saia comendo grandes quantidades de nada só porque temos menos gordura, menos açúcar. Isso pode ser inclusive um tiro no pé, tenha cautela!

Faça atividades físicas

Fazer exercícios aumenta a queima do gasto calórico. Então pratique atividade física para melhorar os seus resultados, qualquer uma que seja de preferência. Escolha a que mais lhe agrada e pratique com habitualidade. Quanto maior a frequência, maiores serão os seus resultados.

Hidrate-se

Beba água, hidrate-se! E beba água durante todo o dia, desde manhã, até a hora em que for deitar. Ande com uma garrafa de água para ajudar a lembrá-lo de beber.

Seja a sua motivação

Se você conseguir seguir essas sugestões básicas, mudará aos poucos seus hábitos e sentirá ainda mais vontade de procurar um profissional de nutrição para potencializar ainda mais os seus resultados, pode apostar.

Quando a gente começa a se cuidar, a ver os pequenos resultados, vamos nos motivando a melhorar a cada dia, às vezes o que precisamos é apenas um empurrãozinho pra começar. Seja a sua própria motivação.

Contrate um profissional

Apesar do aperto financeiro, coloque como prioridade marcar uma consulta com um profissional qualificado em um futuro próximo. Lembre-se que gastos com saúde e nutrição são na verdade investimentos em uma vida com mais qualidade, com um corpo sadio e bonito, o que também eleva mais a autoestima.
Fotos de:  Pixabay / MF Press Global 
Por: Hebert Neri

Nenhum comentário

Quer fazer um comentário?

Tecnologia do Blogger.