CARNAVAL RJ: Conheça Lia Amorelli: o nome por trás do maior carnaval do mundo

Lia Amorelli
A maior festa do mundo é feita de milhares de pessoas, dentre elas está Lia Amorelli, com anos de história e atuação em favor do carnaval, da cultura popular, do samba, e de divulgar para o mundo os bastidores que o tornam possível
A festa que corre no Rio de Janeiro é, na verdade, um Carnaval de superlativos: Blocos de rua levam milhões de pessoas para a folia,13 escolas de samba desfilam na Sapucaí, e outras dezenas de escolas desfilam na Intendente Magalhães e outras passarelas do samba, numa corrente de milhares de foliões que impõem cor, brilho e ritmo à cidade.

No entanto, os bastidores desta festa grandiosa nem sempre é conhecido do grande público, e nem tampouco divulgado pela grande mídia. Milhões de pessoas envolvem-se direta e indiretamente para que a festa aconteça. Dentre elas, o nome de Lia Amorelli destaca-se, não apenas por seu envolvimento com o carnaval, mas por seu posicionamento: “pra mim o carnaval sempre teve esse aspecto grandioso. É uma festa que gera muitas coisas positivas para a cidade do Rio de Janeiro, assim como para o estado e o país. No entanto, sempre tive uma visão do carnaval como representante da cultura brasileira, e não de forma pejorativa e simplista, reduzindo-o apenas a folia, e a corpos expostos, mulheres seminuas e cerveja. É muito mais do que isso.”

Lia Amorelli tem uma longa história de paixão e envolvimento com o Carnaval carioca, tanto como assessora de escolas de samba, como ritmista e jornalista, responsável por um dos maiores portais da internet referentes ao tema: "minha atuação sempre foi voltada para dar visibilidade aos bastidores do carnaval, ao processo de construção desta festa, e mostrar para as pessoas que a festa tem um outro lado, de geração de empregos, de renda e recursos, que influencia na hotelaria, turismo, comércio e na vida de milhares”.

Lia tem buscado trazer visibilidade a escolas do Grupo de Acesso, assim como tantas outras que não participam dos desfiles na Marquês de Sapucaí: "muitos param suas vidas pessoais para se dedicar, pra que tudo fique perfeito para o grande dia, e poucos tomam conhecimento de como o carnaval impacta a vida das pessoas, e as dificuldade que as escolas tem de se manterem vivas. Me envolvo com isso, em divulgar os bastidores do carnaval, porque cresci inserida no contexto da Mocidade Independente de Padre Miguel, cresci dentro do samba, vendo muitas coisas e tentando aprender tudo que eu podia. O carnaval faz parte da minha história, de quem eu sou”.

Apesar de tudo, Lia Amorelli afirma que não vai desistir do carnaval: “Fui uma das pioneiras da cobertura do carnaval da Intendente Magalhães, e trouxe visibilidade às escolas do Grupo de Acesso, e por isso tenho a atenção e carinho das respectivas diretorias. Eu cubro os desfiles da Marques de Sapucaí também, mas não deixo de lado as escolas do grupo de acesso, e as pessoas que constroem o carnaval e fazem dessa festa a maior do mundo. Todos são importantes para o panorama final. Não podemos desistir do carnaval”.
Fotos de:   Lia Amorelli / MF Press Global 
Por: Hebert Neri







Nenhum comentário

Quer fazer um comentário?

Tecnologia do Blogger.