ASSORDHESERJ realizou seminário 2018 reafirmando a necessidade de mais conversas sobre o Carnaval

Nos dias 18 e 19 de julho, a Associação Recreativa dos Diretores de Harmonia das Escolas de Samba do Estado do Rio de Janeiro, promoveu o XVI Seminário 2018, complementando as comemorações do aniversário da instituição.

Foram dois dias de conversas abordando vários temas, incluindo a participação das mulheres no Carnaval e, principalmente, a atuação do segmento harmonia em escolas de samba e desfiles. Nilce Fran e Renato Sorriso foram os homenageados deste ano.

No primeiro dia, o destaque ficou por conta da mesa recheada de portas-bandeira, com destaque para Cynthia Santos da Unidos do Porto da Pedra, que com seu jeito simples e muito carismático encantou a todos com um resumo de sua trajetória no samba, sua força de vontade para ter reconhecimento no Carnaval e sua luta contra a discriminação.


Outro fator de destaque ficou por conta de Ana Paula Araujo, gestora de projetos da LIESI - Liga Independente das Escolas de Samba de Itaboraí, que em uma breve apresentação, mostrou que a criação de oportunidades para o aprendizado e desenvolvimento das comunidades, a geração de renda para famílias não é impossível de se realizar, quando se tem planejamento, gestão e boa vontade. Através de cursos de capacitação, como por exemplo o de corte e costura, oportunidades são geradas, inclusive, para o trabalho com o Carnaval, exportando mão-de-obra qualificada, produtos e serviços.

O segundo dia contou com diversos diretores de harmonia de agremiações carnavalescas, Jorginho Leandro da TV G Rio e o coreógrafo Márcio Moura. Apesar dos temas serem divididos levando-se em consideração os desfiles, como por exemplo os trabalhos de comissões de frente, a “falta de união” no Carnaval e principalmente no segmento harmonia, teve um peso a mais no debate.

Praticamente todos os integrantes das diversas mesas, frisaram a necessidade de estarem mais unidos e apoiarem inclusive, o trabalho da ASSORDHESERJ.


Décio Bastos da Unidos de Padre Miguel, Valber Frutuoso da Beija-Flor de Nilópolis, José Carlos Machine, Alan Marques do Acadêmicos do Cubango, Siromar Carvalho do Acadêmicos do Salgueiro, Mauro Amorim da Unidos do Viradouro, Alexandre Dias da Renascer de Jacarepaguá e Engenho da Rainha, e Leandro Mesquita da LIESI (Presidente da Liga Independente das Escolas de Samba de Itaboraí) foram alguns dos nomes que estiveram presentes neste segundo dia e que demonstraram total apoio às atividades da Associação.

Segundo a assessoria da instituição, outras atividades estão sendo planejadas até o fim do ano.

“ A Assordheserj vem passando por uma reestruturação e se adaptando aos novos tempos. Houve atualização em seu estatuto, formação da nova gestão com a diretoria e conselhos, comemoração de aniversário e a realização do XVI Seminário, que já é um evento fixo de nosso calendário. Agora vamos começar a planejar as atividades do segundo semestre. Temos em mente workshops, palestras, inclusive, já existem pedidos de algumas agremiações para que façamos um trabalho em conjunto, com o objetivo de fortalecer este segmento com cursos e orientações. Novos associados estão chegando e se faz necessário que tenhamos uma ótima organização interna para que tudo possa fluir como se deve,” comentou Lia Amorelli, diretora de comunicação da Associação.

Para se associar basta comparecer a uma reunião geral , preencher uma ficha de cadastro e pagar a primeira mensalidade no valor de 20,00 (vinte reais). Posteriormente, o associado receberá uma carteirinha.

As reuniões acontecem em datas agendadas, que os associados podem acompanhar na página oficial da instituição, no Facebook e também nas demais redes sociais. Vale ressaltar que a Associação é aberta para a participação de todos, e não só de diretores de harmonia. Integrantes de qualquer segmento de uma escola, blocos, estudantes, pesquisadores e quem mais se interessar em conhecer e trocar ideias sobre essa grandiosa festa chamada Carnaval.

Por enquanto, a Associação está com uma sede provisória na Pedra do Sal, na Liga dos Blocos da Região Portuária - Travessa do Sereno 27 - e realiza reuniões também no Centro Municipal de Artes Calouste Gulbekian - na Rua Benedito Hipólito 125, centro. Lembrando que as reuniões são marcadas previamente e divulgadas na página oficial da instituição.







Acesse a página da Associação ! 
clique no link



Nenhum comentário

Quer fazer um comentário?

Tecnologia do Blogger.