quarta-feira, 8 de março de 2017

foto site: aloriodejaneiro.com
Paulistas representam 36% do total

50% se hospedam em casas de parentes, 38% viajam sozinhos e 58% ficam entre quatro e seis dias

67% visitam a cidade por causa do carnaval e 65% tem os blocos como motivação


A Riotur e a FACHA - Faculdades Integradas Hélio Alonso acabam de finalizar estudo que apresenta o perfil do turista que chega ao Rio de Janeiro pela Rodoviária Novo Rio. No total, entre 23 e 25 de fevereiro, foram entrevistadas 567 pessoas. A margem de erro é de 4,1 pontos percentuais. "O nosso objetivo é conhecer as opiniões dos visitantes que chegam através da rodoviária sobre o Rio de Janeiro. E para obter o máximo de informações nós contamos nesse trabalho com as atuações de alunos dos cursos de Comunicação Social e Turismo", explica o professo Marcelo Tesserolli, Coordenador do Curso de Turismo, que, ao lado do também professor Anderson Ortiz, Coordenador do Curso de Relações Públicas, supervisionou o trabalho. A pesquisa será realizada ao longo de dez importantes feriados de 2017 e os resultados serão analisados por pesquisadores da FACHA e apresentados pela Riotur.

Entre os entrevistados, 34% têm entre 18 e 24 anos e 29% estão na faixa dos 25 a 31 anos. Enquanto 48% têm ensino superior, 38% completaram o ensino médio. Os paulistas são a maioria, 36%, seguidos por moradores de cidades do interior do Rio de Janeiro (22%) e Minas Gerais (18%). Ao todo, 37% dos entrevistados responderam que já vieram ao Rio entre duas e cinco vezes, 24% estiveram 16 vezes ou mais e 21% vieram pela primeira vez.

Dentre as pessoas ouvidas pelos pesquisadores da FACHA, 58% pretendiam ficar entre quatro e seis dias na cidade, seguidos por 18% que pretendiam ficar por um período maior, entre sete e nove dias, e por 11% que ficariam apenas entre um e três dias. O percentual daqueles que preferem viajar sozinhos é de 38%, seguidos pelos que preferem a
companhia de amigos (32%) e de familiares (20%). Sobre gastos na cidade, 37% disseram que pretendiam gastar entre 251 e 545 reais, 28% entre 546 e 1071 reais e 12% disseram que gastariam 250 reais ou menos.

O carnaval é a principal motivação para 67%. Visitas aos familiares são a segunda motivação mais comum (53%), seguida por idas à praia (13%) e aventura e cultura, com 6% cada. Os blocos são a principal atração de carnaval para 65% dos entrevistados, seguidos pelos desfiles no Sambódromo (18%) e bailes (4%). Entre os pontos turísticos, as praias foram apontadas como as preferidas por 38%, seguidas de longe pela região da Lapa (13%), Corcovado (11%) e Pão de Açúcar (9%). Do total de pessoas ouvidas, 56% disseram que pretendem voltar à cidade. Entre os feriados apontados como os preferidos para esse retorno estão a semana santa (24%), o Réveillon (14%), Natal e Tiradentes (7%).

Sobre a hospedagem, 50% optaram por ficar em casas de parentes, 17% preferiram casas ou apartamentos alugados, 10% escolheram hotéis e 7% preferiram albergues. Quando perguntados sobre o critério de escolha, 30% responderam que é sempre a mesma, 20% afirmaram levar em conta  questões financeiras e 16% tiveram a localização como principal motivação.

Do total de entrevistados, 24% usaram a internet para fazer reservas. Quando perguntados sobre que transportes usariam durante a estadia no Rio, 29% disseram que dariam preferência aos serviços oferecidos a partir de aplicativos. Em seguida foram citadas as opções ônibus (24%), metro (21%) e carro alugado (12%).

Alguns dos resultados surpreenderam os pesquisadores. Corcovado e Pão de Açúcar, pontos turísticos centenários, apareceram timidamente como pretensão dos visitantes, com 11% e 9%, respectivamente. Também chama a atenção a procura por aluguel de apartamentos. Esse tipo de hospedagem foi a opção de 17% dos entrevistados, superando a busca por hoteis. Outro ponto de alerta para o turismo é a constatação de que os visitantes não contratam serviços profissionais de turismo na cidade.

A comprovação de que o turista rodoviário possui, em sua maioria (54%), ensino superior, levanta o questionamento de por que, então, esse potencial cliente tem baixo interesse pelos serviços e aparelhos turísticos da cidade na época do carnaval. “Isso nos faz pensar na forma como esses produtos e serviços são oferecidos e comunicados. Será que há ofertas que atendam esse perfil de público, será que os preços das atividades cabem nesse orçamento e a comunicação voltada para este perfil é eficiente? questiona Marcelo Tesseroli.

Destaques da pesquisa:

 54 % dos turistas rodoviários têm nível superior

 67% dos entrevistados, ou seja, 2 a cada 3 vieram exclusivamente para o carnaval

 65% vieram para curtir blocos de rua e apenas 18% iam ao Sambódromo

 Praias são locais preferidos para visitação e estavam na programação de 38% dos visitantes. Muito atrás, Lapa (13%), Corcovado (11%) e Pão de Açúcar (9%)

 50% dos turistas se hospedaram em casas de parentes

 Casas e apartamentos alugados, com 17%, superaram a preferência pelos hotéis e outras hospedagens

 Airbnb (39%) e Booking.com (37%) são os sites preferidos para reserva de hospedagem

 O turista rodoviário não usa a internet para comprar passeios turísticos, ingressos/entradas, guias de turismo independente ou seguro de viagem.

 O turista rodoviário não contrata serviços profissionais de turismo na cidade, foi o que afirmaram 98% dos entrevistados

 29% usaram aplicativos de transportes (Uber, Cabify etc.) enquanto os táxis tradicionais foram a opção de apenas 8%

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Fale direto com a gente

Fale direto com a gente
Só clicar acima e você entrará direto no nosso whatsapp, seja bem-vindo.

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

G+ tambem estamos lá !

Cuidado não é só para mulher !

Cuidado não é só para mulher !
Se cuidar não é só para mulher. Os homens atuais também se preocupam com o corpo, rosto, cabelos. O Creme de Barbear Natura Homem facilita o deslizar da lâmina e acalma a pele. Também garante hidratação por até 8 horas. Ideal para o homem que se cuida.

Desfile de blocos da Região Portuária 2018

Dias de Verão da NATURA

Dias de Verão da NATURA
Depois da praia ou piscina, nada melhor que aquele banho delicioso para refrescar e depois um perfume que vai te deixar maravilhosa! Este novo lançamento da NATURA - ÁGUA DIAS DE VERÃO é tudo de bom ! Alem do perfume ter uma fragrância deliciosa com a combinação de frutas tropicias , a embalagem ser bastante simpática, um designer bem legal, é muito bom para dar de presente e por que não também se dar de presente.

Já curtiu ?

Samba Oficial Acad. Engenho da Rainha 2018

Por onde começo?

Postagens Populares

Twitter