sexta-feira, 18 de setembro de 2015

A cada semana o funil vai apertando e os melhores sambas sobrevivem na disputa da Mocidade Independente de Padre Miguel. Neste sábado, dia 19 de setembro, a partir das 23h, a verde e branca promove mais uma etapa. Serão 11 obras no palco e uma delas terá que deixar a competição. A entrada é franca até 0h.

Cada parceria apresentará seu samba em seis passadas. As duas primeiras sem bateria, mais duas com o acompanhamento da bateria ‘’Não Existe Mais Quente’’, uma na voz da torcida e a última novamente com os ritmistas comandados por mestre Dudu. Antes do início das apresentações, o tradicional show com os segmentos da escola pede passagem.

Confira os sambas classificados, já em ordem de apresentação:

Samba 06: Ribeirinho, Rodrigo Barbosa, Elton Babu e Jorge Maia
Samba 09: Guinna, Luiz Augusto, Paulo George Júnior, André Levi e Eduardo Samba Rock
Samba 04: Ricardo Simpatia, J. Giovanni, Wesklei Glória, Dudu Sereno e Glaucio Oliveira
Samba 05: Beto Correa, Tânio Mendonça, J. Trivella, Paulo Peixoto, Vagner Moraes, Alexandre Barcelos e Nelson Galão
Samba 08: Dico da Viola, Paulinho Mocidade, Denilson do Rozário, Léo Peres, Mauro Dias, Rogerinho, Cristiano Placido, Xandy Biral, Tunicão Rangel, Carlinhos da Chácara, Reinaldo Azevedo, Davi Fernandes e Flavinho Bento
Samba 28: André Pimentel, Rafael Drumond, Rodrigo Oliveira, Adriano Osório, Thiago Saldanha, Cláudio Santos, Renato Duarte, Vanessa Pimentel, Julinho Careca, Mônica Oliveira, Anderson Sereno, Márcio Rocha e Renata Tonnera
Samba 26: Wander Pires, Jefinho Rodrigues, Marquinho Índio, J. Medeiros, Domingos Pressão, Jonas Marques, Paulo Ferraz, Lauro Silva e Lero Pires
Samba 15: Domenil, Moleque Silveira, Gulle, Dr. Márcio, Rafael Esteves, J. Santos, Helinho, Paulinho Ju, Tio Valdir e Eli Penteado
Samba 24: Miguelzinho PQD, Richard Valença, Julio Silva, Pedro Paulo, Rodrigo Souza, Fael Nobre, Regio Jr. e Alberto Valente
Samba 20: Marcelo do Rap, Anderson Viana, Tio Robson Guerreiro, Toninho do Trailler, D Gomes, Christian e Lucio Naval
Samba 13: Diego Nicolau, Gabriel Teixeira, Irlan Rios, Edu Velocci e Ricardo Mendonça

- Temos algumas opções muito boas dentro daquilo que pedimos para o enredo. Os sambas foram bem esclarecedores quanto ao que levaremos para a Avenida e, quando juntarmos com a parte visual da escola, dará um casamento muito bacana. A Mocidade terá um carnaval limpo em 2016, com uma leitura bem fácil, ousada e atraente – afirmou o carnavalesco Alexandre Louzada.

Louzada, em conjunto com Édson Pereira, desenvolverá o tema ‘’ O Brasil de La Mancha: sou Miguel, Padre Miguel. Sou Cervantes, sou Quixote cavaleiro, Pixote brasileiro’’ no próximo desfile da Estrela Guia da Zona Oeste.

A proposta da verde e branca é limpar as manchas e mazelas sociais que assolaram e continuam atrapalhando o desenvolvimento do Brasil. Para isso lembra a efeméride de 400 anos de falecimento do escritor Miguel de Cervantes ao trazer para ajudar nessa missão seu personagem mais famoso, Dom Quixote de La Mancha. Juntos, Mocidade e o Cavaleiro enfrentarão os grandes ‘’moinhos de vento’’ do Brasil, usando como arma a nossa literatura, ferramenta primordial para turbinar a educação do país.

A Mocidade buscará o sexto título de sua trajetória sendo a quinta agremiação a desfilar no domingo de folia. A quadra da agremiação fica na Avenida Brasil, 31.156, em Padre Miguel. Após 0h, a entrada custa R$ 10. A grande escolha de samba acontece no dia 17 de outubro.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Fale direto com a gente

Fale direto com a gente
Só clicar acima e você entrará direto no nosso whatsapp, seja bem-vindo.

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

G+ tambem estamos lá !

Reconhecimento e Engajamento - Será que existe ?

Samba Oficial Acad. Engenho da Rainha 2018

Por onde começo?

Já curtiu ?

Postagens Populares

Twitter