quarta-feira, 1 de abril de 2015

Foto: Rodrigo Borges
Por Yngrid Lopes **

Uma escola jovem, que começou a se lançar no carnaval há exatos 15 anos, estremeceu as estruturas da Intendente Magalhães nos últimos anos. A agremiação se mostra cada vez mais madura e altamente capacitada para disputar uma vaga na Série A. Em apenas dois carnavais, a Arame de Ricardo conseguiu ascender do grupo D para o B de forma brilhante e excepcional. O que de fato comprova que o "O Arame é fogo".  Mesmo sendo novata, os integrantes da escola são profissionais de alto gabarito e muito experientes no mundo do samba, como o carnavalesco Ney Junior e o intérprete Bakaninha (Beija-Flor).

Apesar de resultados bastante expressivos em pouco tempo, a preparação para tais conquistas se deu de forma gradativa. De acordo com Ney Junior, que já contabiliza seis anos de trabalho consecutivos à frente da escola, a agremiação passa por uma fase de fortalecimento que começou há algum tempo. Acredito que a escola está sim se estruturando aos poucos. Com toda a humildade possível, acredito que minha carreira segue o mesmo fluxo. Aprendo a cada ano, a escola também. Amadureço à cada ano, a escola também. Mantendo uma linha de trabalho, que graças a Deus, vem dando muito certo”, diz.
Foto: Fábio Seganttini

Este ano a agremiação conquistou a 8ª colocação com o enredo “Ta de brincadeira?”, levando para a avenida as brincadeiras que marcaram as gerações passadas e eternizaram-se na memória das pessoas. Para Ney, esse resultado representou uma vitória muito grande, já que todos os integrantes chegaram na avenida com espírito de campeões. “Tivemos um carnaval campeão. Erramos em pequenas coisas que já estão sendo corrigidas. Foi o carnaval em que mais trabalhei, me estressei, gritei, sorri e acreditei… E essa levada levaremos para 2016,” conta.

E por falar no carnaval de 2016, Ney já começou com os preparativos.“Confio que acertamos em "cinco coelhos" com um enredo só. Brincaremos, falaremos sério, criticaremos e cantaremos. O enredo é uma sátira muito bem descrita de alguns fatos históricos", afirma.

O carnavalesco que já foi campeão no grupo B com o comando da Unidos de Bangu, assume um posicionamento altamente responsável, ético e muito realista quanto a possibilidade de levar a Arame de Ricardo para a série A. “Prezo por um trabalho bem feito, a vitória é consequência. Não tenho pressa do campeonato, nem a escola. Assim como as nossas carreiras, devemos dar um passo de cada vez, só assim a base é construída de forma sólida,” conclui

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Fale direto com a gente

Fale direto com a gente
Só clicar acima e você entrará direto no nosso whatsapp, seja bem-vindo.

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

G+ tambem estamos lá !

Já curtiu ?

Paraíso do Tuiuti - Passistas

Postagens Populares

Twitter