Duas obras da Chave 2 foram eliminadas na disputa do Império da Tijuca deste domingo


A primeira disputa de sambas-enredo entre as obras da Chave 2 do Império da Tijuca, que aconteceu neste domingo, 3 de agosto, na quadra da verde e branca do Morro da Formiga, teve 2 composições desclassificadas.

As 11 parcerias do respectivo grupo se apresentaram seguindo ordem definida por sorteios - que aconteciam momentos antes das defesas - com 1 passada sem bateria e 3 passadas acompanhadas pelos ritmistas da Sinfonia Imperial do Mestre Capoeira. No entanto, 2 obras foram cortadas e não continuam na competição as parcerias: 13 - de Tom Tom e Carlos Vianna ; e 20 - de Klem Machado, Paulinho Brasil, Maram e Almir Ha-ha.

No próximo domingo, dia 10 de agosto, o duelo para definir o hino oficial do enredo "O Império nas águas doces de Oxum" - do carnavalesco Júnior Pernambucano - volta a acontecer entre os sambas da Chave 1.

Lembrando que a grande final já está marcada para o dia 26 de setembro, na quadra da co-irmã Unidos da Tijuca.

Nenhum comentário

Quer fazer um comentário?

Tecnologia do Blogger.