segunda-feira, 25 de agosto de 2014

fotos: Rodrigo Borges / RITMO CARIOCA

O público, torcedores e a comunidade lotaram a quadra do Império da Tijuca, neste domingo, dia 24 de agosto, dia em que a agremiação unificou as Chaves A e B na competição de sambas-enredo da escola.

Após a celebração dos 50 anos do intérprete, Pixulé, foi a vez das parcerias concorrentes subirem ao palco para defender suas obras. Com a quadra cheia e com a presença ilustre do presidente da co-irmã Beija-Flor de Nilópolis, Farid Abrão David, o presidente da verde e branca do Morro da Formiga, Antônio Marcos Teles, o Tê, avaliou e observou todas as apresentações, em um dia marcado pela disputa concorrida e torcidas empolgadas. 

Apesar das belas apresentações - que foram feitas 1 vez sem passada da bateria e 3 com passadas acompanhadas pela Sinfonia Imperial do Mestre Capoeira - as parcerias do samba 1 - composta por Daniel, Serginho Versador, D´Linhares, Itamar Marques Jr e Roger SD - e do samba 14 - dos compositores - Paula Melodia, Bano Alves, Claudinho DVD, Cléber Luiz e Cassio Legrand foram cortadas da competição.

Admirador da escola tijucana, o presidente da azul e branca de Nilópolis, Farid Abrão David, não escondeu sua admiração pela verde e branca e destacou que, em 2015, a agremiação vai "sacudir a poeira e dar a volta por cima".

"Eu tenho uma simpatia muito grande pelo Império da Tijuca e costumo dizer que aqui encotrei uma família, como é a Beija-Flor de Nilópolis. Temos um bom entendimento há anos e sei que este carinho é recíproco", declarou Farid Abrão David.

"Que Deus possa nos abençoar e evitar que injustiças como a deste ano não se repitam no nosso Carnaval. O que aconteceu com o Império da Tijuca foi uma barbaridade, um desastre, e isso não pode voltar a ocorrer. O resultado do julgamento não foi de acordo com o que a escola apresentou na Sapucaí. Mas tenho certeza que a escola vai levantar a cabeça e dar a volta por cima", completou o presidente da Beija-Flor de Nilópolis.

O evento contou ainda com a presença do carnavalesco, Júnior Pernambucano, do diretor artístico de alegorias, Marcelo Martins, do pesquisador, Marcos Roza, Mestre Dionísio, além de personalidades do Carnaval carioca.

Em 2015, o Império da Tijuca levará para a Passarela do Samba o enredo "O Império nas águas doces de Oxum".

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Siga-nos por Email

Cidade e Entretenimento

Cidade e Entretenimento
Cidade - Eventos - Shows - Gastronomia - Turismo - Utilidade Pública

Arte e Cultura

Arte e Cultura
Teatro - Dança - Artes Plásticas - Literatura

Espaço VIP

Espaço VIP
Famosos - Artistas - Perfil - Biografia - Portfolio

Moda - Beleza - Estética

Moda - Beleza - Estética

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Revista MIXTURA TOTAL

Revista MIXTURA TOTAL
Edição 001 da revista eletrônica

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

Samba na Intendente

Samba na Intendente
Parceiro do RITMO CARIOCA

G+ tambem estamos lá !

Já curtiu ?

Acadêmicos do Salgueiro em 19-08-2017

Paraíso do Tuiuti - Passistas

Renascer de Jacarepaguá 2018



Samba Oficial Carnaval 2018

Sambas concorrentes Estácio de Sá 2018

RÁDIO MIXTURA TOTAL

RÁDIO MIXTURA TOTAL
A RÁDIO QUE BOMBA GERAL !

GALERIA DE FOTOS

GALERIA DE FOTOS
Veja aqui tudo que acontece no mundo do Carnaval, coberturas nas quadras, eventos, ensaios técnicos e desfiles. Clique na foto para acessar.

Curso de Design de Carnaval

Novo curso de Pós-Graduação em Design em Carnaval está com inscrições abertas

O Curso de Pós-Graduação em Design em Carnaval é o primeiro no Brasil e está com inscrições abertas. Com duração de dois anos, as aulas se...

Postagens Populares

Twitter