sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014


A direção de carnaval e coordenação de avaliação da Associação das Escolas de Samba Mirins está promovendo modificações nos critérios de julgamento dos desfiles das escolas mirins. A nova fórmula tem por objetivo definir as agremiações agraciadas com o Troféu Estandarte do Samba Mirim – Carnaval 2014. Durante reunião plenária na sede da entidade entre representantes das agremiações e diretoria da AESM, foram apresentados os quesitos a serem avaliados, os módulos de julgamento e os critérios de desempate no caso de duas escolas obtiverem a mesma pontuação. Lembrando que somente uma agremiação será indicada para receber a premiação, resultante desta avaliação ou julgamento feito por profissionais ligados ao carnaval nos quesitos tradicionais, além dos existentes apenas no carnaval mirim. São eles: Ala de Baianas, Ala de Passistas, Intérprete e Rainha de Bateria.

A novidade para o próximo carnaval é que os avaliadores não terão que justificar a perda de pontos ou décimos das escolas mirins durante os desfiles. Os subitens estarão discriminados nos formulários de cada quesito, cabendo ao julgador a retirada ou não de décimos, definindo assim a nota a ser atribuída. Os quesitos Alegorias e Adereços, Bateria, Comissão de Frente, Conjunto, Enredo, Evolução, Fantasia, Harmonia, Mestre-Sala e Porta-Bandeira e Samba Enredo, terão avaliadores no primeiro e segundo módulos de julgamento da Passarela do Samba. Já os quesitos existentes no desfile mirim, serão avaliados somente no primeiro módulo. Ao todo serão 24 avaliadores que serão os responsáveis por apontar as escolas agraciadas com o Troféu Estandarte do Samba Mirim. Outra novidade será que por quesito somente a uma a escola era atribuída a nota dez. Desta vez a nota máxima poderá ser concedida a mais de uma agremiação. “Essa comissão formada para estruturar os critérios da avaliação, têm contribuído bastante para o crescimento a cada ano dos desfiles da criançada. São pessoas empenhadas em prestar um serviço de excelência para o carnaval mirim”, enfatizou Edson Marinho, presidente da AESM-Rio.

Na última terça-feira (18) foi realizado um encontro entre os coordenadores de avaliação Jorge Mendes, Maria Auxiliadora Teixeira e Leandro Constantino na sede da Associação das Escolas de Samba da Cidade do Rio de Janeiro, a fim de transmitir o novo formato de julgamento e esclarecer possíveis dúvidas sobre os critérios e normas de avaliação.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Fale direto com a gente

Fale direto com a gente
Só clicar acima e você entrará direto no nosso whatsapp, seja bem-vindo.

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

G+ tambem estamos lá !

Reconhecimento e Engajamento - Será que existe ?

Samba Oficial Acad. Engenho da Rainha 2018

Por onde começo?

Já curtiu ?

Postagens Populares

Twitter