quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Vencedor do Prêmio de Melhor Bloco de 2012, agremiação criada em homenagem a Paulinho da Viola, agita Arena Fernando Torres neste sábado 

Tomando como ponto de partida a preservação da memória e a prestação de homenagem a Paulinho da Viola, um dos mais importantes nomes da música brasileira, o bloco Timoneiros de Viola, vencedor do Prêmio Serpentina de Ouro de Melhor Bloco do Carnaval 2012, dá início, a partir deste sábado, às 22h, na Arena Carioca Fernando Torres, no Parque Madureira, à temporada de ensaios para o Carnaval 2013, quando reverenciará Nelson Sargento e Elton Medeiros em um grande tributo ao antológico musical “Rosa de Ouro”. Paulinho, Nelson e Elton participaram do famoso musical ao lado de Clementina de Jesus, Aracy Côrtes, Anescarzinho do Salgueiro e Jair do Cavaquinho. O "Rosa de ouro" foi idealizado e dirigido por Hermínio Bello de Carvalho na década de 1960 e enaltecia os grandes ícones do samba.

O Timoneiros da Viola é uma agremiação que tem como proposta o resgate da poesia e do lirismo dos antigos blocos carnavalescos do Rio de Janeiro, executando única e exclusivamente as mais belas composições de expoentes do gênero, como Bide, Marçal, Candeia, Nelson Cavaquinho, Cartola, Donga, João da Baiana, Pixinguinha e, claro, Paulinho da Viola, entre outros. O projeto, idealizado pelo jornalista, escritor e pesquisador Vagner Fernandes, envolve grupos de instrumentistas e compositores que desfilam pelas ruas de Oswaldo Cruz e Madureira, bairros famosos pela concentração das melhores rodas de samba da cidade e na qual estão sediadas duas das maiores agremiações do carnaval carioca: Portela e Império Serrano. Em 2013, o Timoneiros desfilará no Parque Madureira, domingo, 3 de fevereiro, com concentração marcada para ao meio-dia. Paulinho da Viola confirmou presença novamente.

_ É uma homenagem que me comove, sobretudo porque a proposta é a de também relembrar os baluartes do samba de todas as outras escolas _ destaca Paulinho da Viola.

HISTÓRICO

No carnaval de 2012, o Timoneiros da Viola realizou uma grande homenagem a Paulinho da Viola. O compositor recebeu honrarias do bloco fundado por um grupo de profissionais liberais, músicos e atores das zonas Norte e Oeste do Rio e que desfilou pelas ruas de Madureira, no dia 12 de fevereiro. É um bloco de apaixonados pelo samba, pela música brasileira, pelo romantismo dos antigos carnavais. Devido à sua importância, o projeto recebeu todos os principais prêmios do Carnaval do Rio logo no ano de estreia, entre eles o Serpentina de Ouro, concedido pelo Jornal O Globo/Riotur, como o Grande Destaque do Carnaval 2012. Na disputa, venceu blocos tradicionais. Para o Carnaval do ano do que vem, a proposta é realizar um evento gratuito (a saída do bloco propriamente dita no dia 3 de fevereiro no Parque Madureira), bem como quatro ensaios pré-carnavalescos: um na região central do Rio (Teatro Rival BR, no dia 27 de dezembro) e outros três na Zona Norte, na Arena Carioca Fernando Torres, no Parque Madureira, nos dia 15/12, 12/01 e 26/01.

Neste 2012, ano de estreia, contamos no Timoneiros com a participação do próprio Paulinho da Viola, além da Velha Guarda da Portela e dos cantores Teresa Cristina, Pedro Miranda e Cristina Buarque. Elifas Andreato, um dos mais importantes artistas gráficos do país, criou a logomarca. Elifas, como sabemos, retratou com seus inconfundíveis traços grandes nomes da MPB como Elis, Clara Nunes, Martinho da Vila, Clementina de Jesus e o próprio Paulinho.

A homenagem ao artista seguiu com o resgate de antológicos sambas da Portela, escola do coração de mestre Paulinho. Um dos destaques foi a execução de ‘Memórias de um sargento de milícias’, obra com que Paulinho venceu a disputa de samba-de-enredo na Portela, no Carnaval de 1966. O puxador Rixas, aclamado por sua poderosa voz de tenor e que foi intérprete da azul-e-branco de Oswaldo Cruz de 1995 a 1997, foi convidado para a empreitada. Entre os sambas executados estiveram clássicos como ‘Lendas e mistérios da Amazônia’ (1970), ‘Lapa em três tempos’ (1971), ‘Ilu Ayê (Terra da Vida)’ (1972), ‘Macunaíma’ (1975) e ‘Das maravilhas do mar, fez-se o esplendor de uma noite’ (1981). 


SERVIÇO
O quê: ENSAIO DO T IMONEIROS DA VIOLA
Quando: 15 de DEZEMBRO
Onde: Arena Carioca Fernando Torres (No Parque Madureira)
Hora: 22h

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Fale direto com a gente

Fale direto com a gente
Só clicar acima e você entrará direto no nosso whatsapp, seja bem-vindo.

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

G+ tambem estamos lá !

Cuidado não é só para mulher !

Cuidado não é só para mulher !
Se cuidar não é só para mulher. Os homens atuais também se preocupam com o corpo, rosto, cabelos. O Creme de Barbear Natura Homem facilita o deslizar da lâmina e acalma a pele. Também garante hidratação por até 8 horas. Ideal para o homem que se cuida.

Desfile de blocos da Região Portuária 2018

Dias de Verão da NATURA

Dias de Verão da NATURA
Depois da praia ou piscina, nada melhor que aquele banho delicioso para refrescar e depois um perfume que vai te deixar maravilhosa! Este novo lançamento da NATURA - ÁGUA DIAS DE VERÃO é tudo de bom ! Alem do perfume ter uma fragrância deliciosa com a combinação de frutas tropicias , a embalagem ser bastante simpática, um designer bem legal, é muito bom para dar de presente e por que não também se dar de presente.

Já curtiu ?

Samba Oficial Acad. Engenho da Rainha 2018

Por onde começo?

Postagens Populares

Twitter