terça-feira, 27 de novembro de 2012

Fernanda Burigo G1 - SC 
A pouco mais de 60 dias para o Carnaval 2013, as escolas de samba de Florianópolis conseguiram firmar o convênio com a prefeitura. De acordo com o presidente da Liga das Escolas de Samba de Florianópolis (Liesf), Zeca Machado, a documentação chegou nas mãos do secretário de Turismo, Carlos Alberto Pereira da Silva, no fim da tarde de segunda-feira (26).

Segundo o secretário, a União da Ilha da Magia, Consulado, Embaixada Copalord e Caramuru - escola que subiu ao Grupo de Acesso para 2013 -, assinaram o convênio. Já o presidente da Protegidos da Princesa deve assinar na tarde desta terça-feira (27). "A Coloninha não apresentou os documentos, a prestação de conta, então o convênio para essa escola não foi feito", afirma.

Zeca Machado explica que representantes da Coloninha devem entregar a documentação que falta ainda na tarde desta terça-feira (27) e assinar o convênio, provavelmente, nesta quarta-feira (28).

Os trabalhos nos barracões das escolas costumam iniciar entre julho e agosto, mas, este ano, ainda não começaram. "Está tudo praticamente parado, porque sem dinheiro não dá para comprar nada. Está tudo absolutamente atrasado, não deveríamos sofrer esse desrespeito", diz Machado.

Segundo o presidente da Liesf, a Secretaria de Turismo deveria repassar R$ 440 mil para cada escola, mas o prefeito Dário Berger cortou a verba pela metade. "Cada escola vai receber R$ 220 mil, em duas parcelas. Uma deveria ter sido repassada na sexta (23), mas foi transferida para segunda-feira (26) e nada", afirma. Machado espera que a primeira parcela de R$ 110 mil caia nesta terça (27) e a outra em dezembro.

Carlos Alberto Pereira da Silva diz que a primeira parcela deve sair até sexta-feira (30). "Como o Carnaval é em 2013, vamos pagar 50%. As escolas devem negociar com o novo governo, com o Cesar Souza Jr, os outros R$ 220 mil. Para isso eles vão precisa fazer outro convênio", afirma.

"O dinheiro é bem-vindo, mas vem em um momento inapropriado. Falta um pouco mais de 60 dias para a festa e esse atraso no repasse da verba vai comprometer a qualidade do carnaval, que é um teatro vivo. Cada escola conta uma história, cada participante é um artista. Cada ala tem sua fantasia. Isso tudo é feito a mão. Os presidentes não abrem a gaveta de uma loja em São Paulo ou no Rio de Janeiro e trazem pronto para cá. Os carros alegóricos, as fantasias são criadas e confeccionadas artesanalmente".

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.

Fale direto com a gente

Fale direto com a gente
Só clicar acima e você entrará direto no nosso whatsapp, seja bem-vindo.

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

G+ tambem estamos lá !

Reconhecimento e Engajamento - Será que existe ?

Samba Oficial Acad. Engenho da Rainha 2018

Por onde começo?

Já curtiu ?

Postagens Populares

Twitter