VIVENDO O CARNAVAL - PARTE I - O DESLOCAMENTO

"Desfilei na Sapucaí e na Av. Intendente Magalhães, que diga-se de passagem é o melhor Carnaval do Rio. Mas existe um grande problema. Sou moradora da Tijuca. Rumo a Sapucaí, ótimo!!!!! só pegar 415, 220,233 metrô ou qualquer ônibus para o centro da cidade. E a volta????? ahhhhhh essa é fácil. 
Depois de passar uma média de 4 a 5 horas em pé, juntando a concentração, o desfile mais a caminhada da dispersão até o local de início que deve ser Presidente Vargas, o "balança"  ou o correio (uma verdadeira maratona), o mínimo que se espera é tomar aquela geladinha pra relaxar porque ninguem é de ferro, discutir as impressões do desfile com os amigos, fazer xixi nos banheiros químicos (outra maratona e com obstáculos), dar uma circulada para saber o que está se passando ao redor, conferir a programação do Terreirão do Samba e aí sim tomar coragem para ir embora.
Mas é claro que é só pegar o ônibus e o metrô de volta que está tudo certo. Antes fosse. 
Primeiro tem o caos em frente a Central do Brasil ,que ninguém se entende porque é uma desordem total. Guarda de trânsito???? nem pensar; PM ?? Guarda Municipal??? Tem coisas mais interessantes para apreciar rsrsr....As vans invadem as pistas dos ônibus, consequentemente eles passam por fora e não param. Os que vão para a baixada ou para zona oeste só faltam sair no tapa na dsiputa  de um espaço para pegar passageiro. Este por sua vez disputa uma corrida de obstáculos pulando os buracos da rua, passando por cima das poças, desviando de goteiras do teto do terminal... . E pensar que essa galera vai vaiajar alguns quilômetros ainda. affff!
Bem eu...?? eu tentei pegar o 415 umas 5 vezes mas é que minha altura de 1,73 é muito pouca, tenho certeza disso porque o motorista não me enxergava. Assim tive que caminhar até quase a Candelária para conseguir um bondoso profissional que me resgatasse.
Depois de quase 24h sem dormir e tendo desfilado em consideração aos amigos, acreditem, em uma escola mirim...isso porque tenho 45 kkkkk se juntar minha idade e de minhas amigas dava mais de um século e mesmo assim fomos prestigiar os amigos no desfile das mirins. Até hoje não entendo esse regulamento .....bem, mas após esse espasmo de solidariedade ainda tive que aturar do centro até a Tijuca um candidato a MC que estava treinando para o próximo baile funk da FURACÃO, com direito a platéia, aplausos e pedidos de BIS. 
Quando desci só pensava..., ainda é o primeiro dia....afff"

Por: Lia Amorelli

Um comentário:

  1. É amiga, felizmente essa é a vida que gostamos fazer o que né.....kkkkk
    e o pior que a gente passa por cada uma...Conclusão, carnaval é isso aí mesmo, a volta é triste.....kkkkk

    ResponderExcluir

Quer fazer um comentário?

Tecnologia do Blogger.