quarta-feira, 23 de agosto de 2017

O Acadêmicos do Cubango está com as inscrições abertas para integrantes interessados em fazer parte do grupo de harmonia da escola, passistas e para desfilar em carros teatralizados e alas coreografadas.

HARMONIA

Para compor o quadro de harmonia de ala, os interessados devem comparecer nos dias 23 e 29 de agosto na quadra da escola, e procurar os diretores de harmonia Allan Guimarães e Daniel Katar. As inscrições serão realizadas a partir das 19 horas e o candidato deve ter vontade de aprender sobre o segmento e que não tenha passado por outras agremiações. Para a inscrição, deve levar duas foto 3x4 e preencher ficha com a diretoria. Mais informações podem ser tratadas com Allan Guimarães no telefone (21) 97910-0006 ou no e-mail allanguimaraes.harmoniacubango@gmail.com


PASSISTAS

Já para compor a ala de passistas masculino e feminino, a diretora Cris Alves está na quadra todas as quartas a partir das 19 horas realizando as inscrições e as avaliações com os candidatos pessoalmente. Mais informações podem ser tiradas pelo whatsapp (21)9 8270-7959.

ALAS COREOGRAFADAS

Para os componentes interessados em participar do desfile da escola, nas alas coregrafadas e carros teatralizados, os interessados podem entrar em contato com Vinicius Natal, do departamento de carnaval. Para isso, é importante que seja enviado um email para o endereço eletrônico carnavalcubango2018@gmail.com, informando nome completo, telefones de contato, números de manequim e sapato. Em breve será marcada uma reunião com todos os interessados em desfilar.

O Acadêmicos do Cubango será a quinta escola a desfilar no sábado de carnaval da Série A, com o enredo “O Rei que bordou o mundo”



Fotos: Paula Ranieri

                               CLIQUE AQUI PARA LER A SINOPSE DO ENREDO







terça-feira, 22 de agosto de 2017

A Unidos de Lucas está se programando para fazer um desfile memorável na esperança de alcançar mais um degrau rumo à Marquês de Sapucaí.

Com enredo que versará sobre o Nordeste e que está sendo desenvolvido pelo carnavalesco Walter Guilherme, a escola de Parada de Lucas vai renovar a comissão de frente que terá um novo conceito para o próximo Carnaval.

- O trabalho do Alex Coutinho e do Jorge Amarelloh foi muito bacana, mas estamos com um foco diferente para o próximo ano. Agradecemos muito todo o profissionalismo deles que temos a certeza de que irão brilhar aonde quer que passem, diz o presidente Helinho.

O novo nome da comissão de frente já foi escolhido e será anunciado ainda esta semana. A equipe completa será apresentada no próximo dia 9 de setembro com festa na quadra da vermelho e amarelo.

Entrega dos sambas acontecerá dia 3 de setembro


Confiante no tema elaborado pelo diretor artístico André Cezari ( ex Beija-Flor), a equipe de Lucas está ansiosa para a data em que os sambas concorrentes a hino de 2018 serão inscritos. Para celebrar a data, a diretoria está programando um churrasco de confraternização com todos os compositores que participarão da disputa.

- Vamos receber os sambas do jeito que todo sambista gosta, com festa!, diz Maurício Dias, diretor de Carnaval da escola.

Para realizar a inscrição no concurso, as parcerias deverão apresentar 10 cópias impressas da letra do samba e 03 CDs com a gravação. Serão aceitos até 06 compositores ( incluindo participações) por obra somente. O horário é das 13h às 18h.

Em 2018, o Galo de Ouro da Leopoldina vai desfilar pelo Grupo C da Liesb com o enredo “ o Galo arretado canta o Nordeste, o xodó do Brasil”. A escola será a 7ª a se apresentar na Estrada Intendente Magalhães, no dia 12 de fevereiro.

Karina Costa - Ensaio Técnico

Karina Costa sai e deixa legado de 12 anos à frente da bateria Guerreiros da Unidos

Despontando a cada ano como uma das potências do carnaval carioca, a Unidos de Padre Miguel, escola da comunidade da Vila Vintém, tem mostrado que força e garra não lhe faltam para competir entre as grandes.
Em uma crescente, tem realizado belíssimos desfiles nos últimos anos,  brindando os espectadores da festa com ótimos enredos e grandes sambas.
A escola tem mostrado organização e competência no quesito carnaval , não obstante,o seu coração que pulsa com a bateria formada por GUERREIROS,  quer uma rainha que conduza com graça, charme beleza e samba no pé, uma legião de ritmistas.
karina Costa que reinou mais de uma década com louvor, parte para seguir sua trajetória de vida, mas deixa um legado para quem assumir o posto, agora vago.


A morena teve uma presença marcante, afinal, reinar durante 12 anos é uma missão de responsabilidade, mas também é prova que quando a rainha pertence ao seu povo do samba, a sua comunidade, tudo flui de forma favorável, mantendo a essência e as caraterísticas do sambista de verdade.


Neste item, Karina pode ser um exemplo, pois sempre esteve junto com a bateria, acompanhando as atividades de sua agremiação . O posto tão cobiçado por várias jovens de qualquer comunidade, na maioria das vezes é ocupado por atrizes, cantoras, personalidades que nada tem haver com o mundo do samba.


Independente de quem vá ficar à frente dos ritmistas, a concentração no momento está na disputa para a escolha do samba para o desfile da agremiação, que iniciou com 6 parcerias, e que continua acirrada.
A UPM tem uma das mais belas sinopses do carnaval 2018, muito bem escrita e desenvolvida, com um dos mais belos temas, consequentemente, a responsabilidade para a escolha do samba passa a ser bem maior.


Detentora de alguns títulos e que tem batido na trave nos últimos anos na Série A, a Unidos de Padre Miguel tem despertado interesse dos sambistas, por sua organização.
Sra Luzimar, foliã que visitou a Unidos no último evento, se disse encantada com o que viu:
  • Me surpreendi, não sou do Rio, vim com minha amiga conhecer e fui na quadra. Não imaginava, achei muito organizada e bonita. Tudo muito lindo. Fui muito bem tratada, já virei torcedora !


O dia da disputa final para escolher o samba está próximo. Agora, é aguardar para ver qual será a parceria que levará essa grande obra de brasilidade para a avenida, com o carnavalesco João Vitor Araújo.

“O ELDORADO SUBMERSO: DELÍRIO TUPI-PARINTINTIN”, o povo amazonense, ribeirinhos e indígenas estará enviando as energias das águas para a Vila Vintém.

CLIQUE AQUI PARA LER  A SINOPSE DO ENREDO



segunda-feira, 21 de agosto de 2017


documentário
Debate após sessão do Cine Samba Candeia vai reunir diretora do filme e pesquisadores de Carnaval

A Portela, através do seu departamento cultural, vai promover mais uma edição do Cine Samba Candeia no dia 26 de agosto (sábado), com a exibição do documentário "O Rochedo e a Estrela", dirigido por Katia Mesel. Em seguida, haverá um debate com a cineasta, o escritor e pesquisador Luiz Antonio Simas, o professor e pesquisador João Baptista Vargens, e Fábio Pavão, integrante da comissão de Carnaval da Portela. O objetivo do evento, que terá entrada gratuita, é oferecer ao público uma visão mais aprofundada sobre temas relacionados ao enredo "De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente de Cá Pra Lá...", da carnavalesca Rosa Magalhães, com o qual a Portela tentará o bicampeonato em 2018.

Produzido e dirigido pela pernambucana Katia Mesel, "O Rochedo e a Estrela" (85 minutos) enfoca o período em que a Holanda dominou Recife, no século XVII, e, ainda, como Mauricio de Nassau foi fundamental ao favorecer uma conjuntura de liberdade religiosa que permitiu a existência de uma comunidade judaica e a fundação da primeira sinagoga das Américas, a Zur Israel. O filme narra também a saga do grupo de judeus que, após a expulsão dos holandeses do Brasil por Portugal, participa da fundação e formação da cidade de Nova Amsterdã (Nova York).

Radiante com o convite do departamento cultural, Katia Mesel fala sobre a expectativa para o evento. "Exibir 'O Rochedo e a Estrela' na quadra da Portela, tendo o mesmo tema que o enredo de 2018, ano que completo cinco décadas de cinema, é para mim mais do que um sonho tornado possível, é um sinal de que a força da liberdade, da tolerância, do acolhimento tudo transforma, e continua atual dentro do nosso desejo de igualdade, harmonia e compreensão. Costumo dizer que o filme não é sobre judaísmo, é sobre a liberdade, é sobre transformação, sobrevivência, êxito, antídoto às rejeições da igreja vigente. Mostrar meu documentário na Portela, no momento em que estão sendo desenvolvidos os primeiros esboços do desfile, me motiva, me faz sentir incluída nessa empreitada coletiva, de uma energia sem par."

Para Rogério Rodrigues, diretor cultural da Portela, o evento é um desdobramento natural do enredo. "Uma das funções do nosso segmento é dar lastro cultural ao tema da escola, compartilhar com a comunidade conhecimento e informações que vão servir para as pessoas, bem como para o componente entender melhor sobre o que se trata a história que ele vai representar na Sapucaí."

Oficina de mestre-sala e porta-bandeira

Horas antes da exibição do filme, a Portela promoverá uma oficina gratuita de dança de mestre-sala e porta-bandeira, ministrada pela Associação Cultural Madureira Toca e Dança, que é presidida por Estelita Silva e coordenada por Waldir Gallo. O trabalho da entidade visa resgatar a tradição na dança dos casais nas escolas de samba e blocos carnavalescos.

Entre 13h e 17h, profissionais como Adilson, Jamelão, Bagdá e Jerônimo da Portela, além de Irene, Poly, Dayane e Regina vão dar aos alunos exemplos de performances em desfile. Mestre Adilson falará, ainda, da teoria do universo da dança, enquanto o professor de educação física Paulo Chupeta dará instruções de técnica corporal e alongamento.

A quadra da Portela fica na Rua Clara Nunes 81, em Madureira.

Serviço:
Aulão gratuito de mestre-sala e porta-bandeira - 13h às 17h
Cine Samba Candeia com o filme 'O Rochedo e a Estrela' + debate - a partir das 17h

Local: Quadra da Portela - Rua Clara Nunes 81, Madureira
Classificação: Livre
Entrada franca

Créditos: Divulgação
Legendas: Cena do documentário 'O Rochedo e a Estrela'

sábado, 19 de agosto de 2017

Flyer Diretoria

A nova Liga das Escolas de Samba de Niterói (LESNIT) promove no dia 26 de agosto, na quadra do GRES Alegria da Zona Norte, no Fonseca, festa de posse da sua diretoria. 

“Será a apresentação oficial dos nossos diretores às autoridades, imprensa e a todos os sambistas niteroienses”, disse o Diretor de Eventos da LESNIT, Willian Neves.

Os diretores e conselheiros que compõem a LESNIT são dirigentes das Escolas de Samba filiadas. “Os cargos da nossa Diretoria Executiva serão ocupados por presidentes das agremiações filiadas. Dessa forma, acreditamos que todas as decisões sobre a organização dos desfiles serão mais transparentes, de interesse das agremiações, pelo bem do carnaval”, disse o presidente da Lesnit, Carlos Xororó, que também é presidente do Combinado do Amor, mais antiga escola de samba da cidade.

Para Xororó, o carnaval de Niterói precisa de transparência e credibilidade, para isso a LESNIT convidou profissionais de diversas áreas, com relevantes serviços prestados ao carnaval, para compor cargos de importância na diretoria. “Convidamos alguns profissionais da cidade que são referência em suas áreas de atuação, para nos ajudares na reconstrução do carnaval de Niterói. São historiadores, jornalistas, advogados e produtores culturais que militam no mundo do samba há muito tempo e que já estão colaborando com a LESNIT”, complementou Carlos Xororó.

Atrações – O Grupo Novo Visual anima a festa que terá ainda apresentação dos segmentos da escola anfitriã Alegria da Zona Norte e show especial com passistas da escola. Além de muito samba os convidados poderão saborear um churrasco misto regado, claro, a cerveja gelada.

SERVIÇO:

Festa de apresentação da LESNIT

Local: Quadra do GRES Alegria da Zona Norte

Endereço: Avenida Rua Soares Miranda, 83 – Fonseca, Niterói/RJ.

Dia: 26 de agosto de 2017

Hora: 14h

Entrada franca. Churrasco misto R$5

Mais informações: (21) 9.9283-6464 (Willian) ou (21) 9.9769-7311 (Chaynne)

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

"Rainhas do Rádio – Nas Ondas da Emoção, O Tigre Coroa as Divas da Canção!"
Carnavalesco: Jaime Cezário

Tudo começou em meados da década de 1930, início da era de “ouro do rádio”, que atingiu seu auge nos anos 40 e 50: um período marcado por requinte e glamour, especialmente no Rio do Janeiro, então capital federal, chamada de Guanabara. Os belos cassinos, teatros, hotéis, bares e boates respiravam prosperidade, dando a cidade uma aura mágica, quase um mundo de faz de conta. E para coroar esse universo mítico, foi fundada a Rádio Nacional tornando tudo ainda mais especial, pois a emissora tinha a missão de integrar o país, ditando modas e costumes. Sua programação variada fascinava, e através do sucesso dos seus programas musicais, cada vez mais populares, os grandes ídolos foram criados. E assim, a Cidade Maravilhosa se tornou o coração desse novo reinado, onde a realeza da canção arrebatou o país inteiro.

Bastava ligar o rádio, num gesto simples de girar o botão e as vozes invadiam os lares brasileiros de norte ao sul do país. Ninguém ficava indiferente, todos queriam acompanhar a programação, extasiados pelos sons que saiam daquele aparelho que se tornou indispensável. Os programas musicais despertavam o maior fascínio e todos aprendiam as canções que caíam rapidamente no gosto popular. Nessa disputa entre cantores e cantoras, coube as vozes femininas, de forma única e particular, seduzirem os ouvintes… algo difícil de traduzir, mas fácil de sentir. Um fenômeno que pouco a pouco, foi tomando conta do coração de todos, num misto de paixão e adoração.
E nesse mundo de faz de conta, não existiu pseudônimo melhor e mais adequado para definir estas mulheres do que este: Rainhas. Majestosas ao interpretar canções vivas, canções de carnaval, de dor de cotovelo e faziam tudo muito bem. Mistérios que só a alma do povo saberá dizer. Soberanas, tiveram dias de intenso brilho, milhares de fãs – ou seriam súditos? – as reverenciavam em todo país. Estrelas autênticas de nossa música popular, que fizeram o brilho de uma época e que até hoje nos fazem sonhar.

Para atender o desejo popular em participar da vida de seus ídolos, foram criadas publicações especializadas em rádio, com destaque para a famosa “Revista do Rádio”. As gravadoras ganharam um grande impulso e disputavam a peso de ouro nossas cantoras. As salas de cinema superlotadas, a cada nova Chanchada da Atlântida, para ver seus ídolos cantando os novos lançamentos musicais. Mas o que fez o Brasil realmente parar foi a competição criada para eleger a Rainha do Rádio.

O primeiro concurso foi promovido em 1936 pelo jornal o Diário da Noite em parceria com o bloco carnavalesco Cordão dos Laranjas. Os primeiros concursos não tiveram grande repercussão a nível nacional, pois a eleição era feita apenas pelo voto dos artistas e profissionais do meio radiofônico. Nesse modelo, só deu a cantora Linda Batista, eleita sucessivamente por uma década. Entretanto, quando em 1948, a Associação Brasileira do Rádio (ABR) começou a organizá-lo, passando a eleição para o voto popular, o concurso explodiu no Brasil inteiro e foram eleitas nove rainhas nesse novo formato. Após a eleição, elas se tornavam verdadeiras garotas propagandas, ajudando a promover tudo. Os concursos aconteciam na poderosa Rádio Nacional, que na época simbolizava o “Palácio Real” de onde nossas soberanas reinaram…

Quem haverá de esquecer essas Rainhas? Começando pelas irmãs Batistas, Linda e Dircinha, eternas estrelas. Carregando a famosa “Lata D’água” na cabeça lá se foi Marlene, essa mulher cheia de vida, ocupar seu lugar. O “Que será” de nossas vidas sem o seu amor, Dalva de Oliveira? Quebrando toda “Rotina” surgiu Mary Gonçalves para reinar nessa história. É, dizem que “tem francesinha no salão”! Será? Quem reinou mesmo nos salões e nos palcos foi ela, a minha, a sua, a nossa Emilinha Borba. De vermelho e negro vestindo a noite o mistério trouxe nossa Sapoti, Ângela Maria. Olhando pela “janela do mundo” nos apaixonamos por “este seu olhar” Vera Lucia. Mas o que gostamos é de você, Dóris Monteiro, que de conversa em conversa provou a todos sua nobreza. Dizem que amor é bom de dar, muitos fingiram gostar, mas só mesmo você Julie Joy, soube fechar com chave de ouro este ciclo real.

A eleição despertava a atenção do Brasil inteiro. Nossas soberanas possuíam uma legião de súditos e súditas apaixonados que disputavam voto a voto quem elegeria a sua Diva ao trono da realeza do Rádio. Os fã-clubes tiveram lugar de destaque nesse sucesso nacional, pois era um misto de adoração e devoção por nossas estrelas. Os fãs que frequentavam os Programas de Auditório receberam o nome singular de “macacas de auditório”, devido ao comportamento histérico ao ver seu ídolo de perto. No dia da apuração o país parava para acompanhar nas ondas da Rádio Nacional o resultado. Após a contagem de votos e o anúncio oficial da vencedora, as discussões e brigas tomavam conta do público, pois a unanimidade era rara.

O “grand finale” deste acontecimento, ficava por conta da coroação no Baile do Rádio. O baile mais popular e disputado do carnaval carioca, pois nele, fora a folia carnavalesca que reinava, o público poderia estar perto de seus cantores preferidos, além é claro, de ver a coroação da Rainha do Rádio com toda sua corte. Aqueles que não tinham esse privilégio, a grande maioria, se aglomerava do lado de fora para assistir ao cortejo da soberana em carro aberto pelas ruas, para depois ser transportada da parte externa do teatro até o palco, em um trono carregado por atléticos admiradores, para delírio da multidão.

Dez privilegiadas mulheres puderam viver este momento de encantamento… num período dourado do Rio de Janeiro e do Rádio no Brasil. A elas, no carnaval de 2018, sintonizada na mais pura emoção, embalado em sonoras ondas, Porto da Pedra com toda nobreza da Corte da Folia rende esta homenagem, coroando novamente cada uma.
E assim nossas estrelas da música continuarão a brilhar…
Rainhas do Rádio – Nas ondas da emoção, o Tigre coroa as Divas da canção!
Jaime Cezário

Carnavalesco/Autor do Enredo

primeiro casal da porto da pedra

Hoje, começa a caminhada para a escolha do hino oficial da Unidos do Porto da Pedra.

Seis obras compõem a disputa rumo a 2018. Quem for acompanhar a festa, poderá curtir um grande show com os segmentos da escola.
Enquanto Mestre Pablo, com a bateria Ritmo Feroz, coloca todo mundo para sambar, os passistas, casais de mestre-sala e porta-bandeira, baianas e demais componentes fazem o show.

Logo após, as parcerias concorrentes começam as apresentações dos sambas. Vale dizer que esta será a primeira eliminatória.

Segue a ordem de apresentação::

Parceria 2. Evaldo

Parceria 5. Nier Ribeiro

Parceria 1. Alisson Picanço

Parceria 9. Fernando Macaco

Parceria 13. Bira

Parceria 3. Bené do Cavaco

As parcerias classificadas nesta sexta-feira irão para a semifinal do dia 25 de agosto, e com certeza, ansiosas para saberem o resultado final que será no dia 1o de setembro.

O carnavalesco Jaime Cezário nos brinda com uma justa homenagem cheia de glamour, memórias, lembranças de ótimos tempos de uma época de ouro, quando o país fervilhava de emoções e de alegria, com as lindas vozes que surgiam.

Com o enredo: "Rainhas do Rádio – Nas Ondas da Emoção, O Tigre Coroa as Divas da Canção!" , somos levados a um passado emocionante e quem sem dúvida trará saudades. O desfile do Tigre será gostoso de se ver, de acompanhar e aprender.

A escola está com uma responsabilidade e tanto; retratar uma das mais lindas épocas de nossa MPB, das marchinhas de carnaval; de uma época que ditava moda e estilo.

Se você ainda não conhece, aproveite e dê uma lida na sinopse do enredo que Jaime Cezário preparou, para o desfile da Unidos do Porto da Pedra, você vai se encantar ! (clique aqui SINOPSE DO ENREDO 2018)

RESUMO:


O que: Disputa de samba enredo para o carnaval 2018

Quando: 18 de agosto (sexta), a partir das 22 horas

Onde: quadra da Porto da Pedra

(Rua João Silva 84, Porto da Pedra, São Gonçalo). Telefone: (021) 2606-8623

Quanto: entrada gratuita até a meia noite. Depois, 10 reais.


Se você quer conhecer mais sobre as rainhas do rádio, acesse essa playlist no youtube, maravilhosa !  

PLAYLIST com as Rainhas do Rádio



quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Feijoada
Em plena época de disputas de samba, a escola azul e branco nilopolitana não deixa de agitar a sua quadra com outros tipos de eventos.

A feijoada que já se tornou tradição, acontece no último domingo do mês. A de agosto será realizada dia 27, domingo, a partir das 13 horas.

O cantor Rodrigo Rodrigues será a atração. Haverá a roda de samba, bingo beneficente com diversos prêmios e claro, muito samba com a bateria da deusa da passarela.

O pessoal tem a opção de adquirir o ingresso junto com o prato de feijoada por R$ 20.
Quem quiser pagar somente a entrada, desembolsa R$ 5.
Para adquirir os ingressos é só acessar o site www.feijoadadasorte.com.br ou então ligar para 27912866.

Não tem limite de idade e a escola fica localizada em:
Pracinha Wallace Paes Leme 1025 - Nilópolis.

Vale ressaltar que a escola está com as inscrições abertas para suas alas de comunidade.

Os cadastros são feitos na quadra e no barracão da escola e é necessário levar duas fotos 3×4, cópia do RG, CPF e do Comprovante de Residência. Na quadra todas as segundas, de 20h a meia-noite. No barracão (Cidade do Samba), todas as quartas, de 19h às 23h.

Após a escolha do samba enredo oficial do Carnaval 2018, o cadastramento tendo sido efetivado, é necessário comparecer aos ensaios sempre às quintas-feiras, a partir das 22 horas.

Fontes:
Assessoria de Imprensa da agremiação
Site oficial do Gres Beija-Flor de Nilópolis

Flyer da Feijoada


segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Eles não defendem 40 pontos no desfile oficial, mas devem estar sempre prontos para qualquer imprevisto. Por conta disto, a Unidos de Lucas foi buscar uma dupla de respeito para representar o segundo pavilhão da cinquentenária escola da Leopoldina. Defendida pelo casal Wendel e Bia Oliveira, a bandeira de Lucas vai girar forte no desfile da Intendente de Magalhães quando a agremiação, disputando a vaga no Grupo B vai se apresentar na terça-feira de Carnaval.

- Já estamos ensaiando porque queremos impressionar no desfile. Muitas pessoas não entendem a importância do segundo casal, embora a gente não dispute diretamente as notas, temos que estar preparados para tudo e em qualquer ocasião, diz Bia Oliveira que está há 11 anos no carnaval.

A curiosidade é que Bia, embora hoje seja porta-bandeira, não começou sua carreira no segmento. A guardiã do segundo pavilhão do Galo de Ouro, já desfilou em comissão de frente na própria escola em 2007 e se apaixonou pela dança dos casais ao se tornar diretora de Harmonia e ter como função apresentá-los.

- Me inscrevi no projeto Manoel Dionísio em 2015 e, em 2016, me transferi para o Minueto do Samba. Participei do concurso para terceiro casal na Estácio de Sá e já tive experiência na Flor da Mina também. Há dois anos sou porta-bandeira do bloco Cata Latas do bairro do Grajaú, diz a porta-bandeira.

Ensaiando bastante ao lado do parceiro Wendel que é cria da Infantes do Lins e também defende o segundo pavilhão da Herdeiros da Vila, Bia conta que os ensaios já estão acontecendo.

- Temos que fazer a preparação física e a de dança também, até porque temos o objetivo de nos profissionalizar cada vez mais dentro deste segmento.

Paralelo aos compromissos com a Unidos de Lucas, a dupla também está concorrendo à vaga de terceiro casal da Unidos de Padre Miguel, que integra a Série A do Carnaval carioca.

Em 2018, a Unidos de Lucas vai desfilar exaltando o Nordeste com o enredo “ O Galo Arretado Canta o Nordeste, o Xodó do Brasil", assinado por André Cezari e desenvolvido pelo carnavalesco Walter Guilherme.
De passagem pelo Brasil, o artista plástico e ativista chinês Ai Weiwei visitou o barracão da Portela, na Cidade do Samba, na tarde desta sexta-feira. Recepcionado pelo presidente Luis Carlos Magalhães e pela carnavalesca Rosa Magalhães, o artista conheceu os quatro andares da fábrica de alegorias e conferiu um pouco dos preparativos para o desfile de 2018 da Portela. Ao fim do passeio, ele foi convidado para desfilar na Marquês de Sapucaí.

Reconhecido internacionalmente pelo engajamento político de suas obras, Ai Weiwei, que tem diversos trabalhos sobre o drama de refugiados e imigrantes, conheceu o enredo da Portela para o próximo Carnaval e ficou encantando com os figurinos desenhados por Rosa Magalhães. "O trabalho feito aqui dentro é impressionante. Nunca pensei poder conhecer isto de perto. É encantador! Quero agradecer a todos da Portela pela recepção", disse o artista, que mostrou-se muito interessado nos diferentes materiais usados para a confecção dos protótipos das fantasias.

Fã do trabalho de Ai Weiwei, que está no Brasil procurando locais para futuras exposições, Rosa Magalhães fez questão de pegar um autógrafo do artista. A veterana também elogiou o trabalho do chinês. "Ele faz trabalhos e instalações impressionantes, gigantescas. É um trabalho com um conceito muito interessante. Que bom que ele veio nos visitar."

Para o presidente Luis Carlos Magalhães, a visita de Ai Weiwei representa um dia histórico para a Portela. "Além de ser uma pessoa com muitos talentos, o Ai Weiwei é um artista muito preocupado com as grandes questões que estão sendo discutidas hoje em dia, como a imigração e a intolerância. E a Portela vai justamente abordar alguns desses temas dentro do seu enredo. O interesse dele em nos conhecer mostra como a mensagem do nosso enredo é atual. Ficamos muito felizes em recebê-lo. Foi histórico! Agora, queremos que ele desfile conosco e também visite nossa quadra numa próxima oportunidade", exaltou.

Em aproximadamente duas horas dentro barracão, Ai Weiwei, que ganhou chapéu personalizado com seu nome e um livro sobre a história da Portela, também conferiu trechos do desfile campeão de 2017 e tirou muitas fotos. Sobre o convite para desfilar, ele garantiu que tentará conciliá-lo com sua agenda internacional de exposições. Ai Weiwei estava acompanhado de familiares e membros de sua equipe técnica.

O enredo criado pela carnavalesca Rosa Magalhães mostrará como judeus fugidos da Europa no século XVII, com destino ao Nordeste do Brasil, tiveram papel fundamental na formação da cidade de Nova York. O título é "De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente De Cá Pra Lá..."
Flyer
O Curso de Pós-Graduação em Design em Carnaval é o primeiro no Brasil e está com inscrições abertas. Com duração de dois anos, as aulas serão ministradas em um fim de semana (sábado e domingo) por mês, das 8h às 18 horas, no Gallant Hotel, que fica na Rua Joaquim Palhares, 411, no bairro do Estácio, com início em dezembro desse ano.

O curso tem como principal objetivo proporcionar visualização criativa e sistemática dos processos de interação e criação do carnaval, assim como estudar como amplamente as fases de projeto, gestão e produção. Com isso, os alunos serão capazes de dominar técnicas, métodos e materiais essenciais dos processos de criação e construção do carnaval enquanto espetáculo.

Dividido em grupos de quatro disciplinas por módulos, elas abrangem: Arte e literatura dramática; História do carnaval, agremiações e documentação de carnaval; História da indumentária e moda; Figurino X Fantasia: croquis e técnicas; Estamparia; Materiais e acabamentos têxteis; Produção do Espetáculo carnaval e planejamento estratégico para o desfile; Caracterização para o Carnaval; Laboratório de perucas carnavalescas; Design, ferragens e materiais usados em fantasias; Cenografia, alegoria e adereços; Iluminação para carnaval; Teoria das representações gráficas: formas, estéticas e cores; Quesito: comissão de frente; Quesito mestre-sala e porta-bandeira; Quesitos: evolução e harmonia; Quesito: bateria; Quesitos: enredo e samba-enredo; Julgamento, defesa e justificativa e ética no carnaval; e Direito, regulamento e legislação do carnaval.

A Especialização é coordenada pelo Mestre em Educação, Cultura e Comunicação Jardel Augusto Lemos, que atua como docente e coreógrafo dentro do carnaval. Assim como todos os demais professores, que também são atuantes nos segmentos do carnaval com experiência profissional e formação: Leonardo Augusto de Jesus, Luiz Anselmo, Iaci Santos, Ivete Dibo, Viviane Martins, Carlos Carvalho e Luis Carlos Magalhães de Souza Ribeiro são alguns dos nomes confirmados.

As inscrições para o curso, a consulta dos valores e formas de parcelamentos são realizados através da Consultora Educacional Ana Paula Siqueira pelo e-mail riodejaneiro3@censupeg.com.br ou pelo telefone (21) 98282-4622.

sexta-feira, 11 de agosto de 2017


A escola de samba Acadêmicos do Cubango vai iniciar a disputa de samba-enredo para a escolha do hino oficial do Carnaval 2018 nesta sexta, 11 de agosto, a partir das 22 horas. 

Na sua primeira eliminatória, apenas uma das oito obras inscritas será eliminada. O sorteio da apresentação dos sambas concorrentes será na quadra, às 21:30, com um representante de cada parceria.

Antes da apresentação dos concorrentes, a verde e branco de Niterói promoverá um grande show para o público presente dos seus segmentos. Os casais de mestre-sala e porta bandeira, passistas, baianas, velha guarda estarão se apresentando, embalados pelos sambas da escola na voz do intérprete oficial Evandro Mallandro e da bateria "Ritmo Folgado", de mestre Demétruis, que serão apresentados oficialmente para a comunidade.

Confira a lista das parcerias concorrentes:

SAMBA 1 - Compositores: Gabriel Martins, Bello, Wagner Big, Junior Fionda, Marcio André Filho, Jairo e Gigi da estiva. Participação especial: Rafael Mikaiá, Neyzinho do Cavaco, William Rodrigues

SAMBA 2 - Compositores: Juliana Santos, Marquinho Caramujo, Pepe da Cubango, Marcos Antonio, Paulo Alvarenga e Wanderson.

Participação especial: Kokinho, Rocha e GB Nascimento

SAMBA 3 - Compositores: Eduardo Poeta, Lênio da Cotia, Edu Cigano, Jo Ennes, Mario di Minas

SAMBA 4 - Compositores: Dudu Oliveira, Pega Leve, Chiquinho Inspiração, Beth Mayer, Deivis, Flavio Matteus e chorão Participação especial: Antonio Maia

SAMBA 5 - Compositores: Flavinho Machado, Paulo Freitas, Pedro Santoro, Elço Alves e Gatto da Cubango

SAMBA 6 - Compositores: Marinheiro, Carlinhos Santos (Banana), Marquinho da Hora, Gelson Devaneio

Participação Especial: Jabá

SAMBA 7 - Compositores: Sérgio Careca, Robson Ramos, Rafael Coutinho, Duda Tonon ,Tricolor, Vinicius Xavier, Anderson Lemos Participação Especial; Marcos Paulo, Ailton Balbino e Diego Nicolau

SAMBA 8 - Compositores: Maurilinho, Kleber Neguin, Paulinho Figueiredo, João Belém e Klebinho

O público pode ouvir os as gravações dos sambas concorrentes bem como apreciar as letras em nosso Facebook oficial (facebook.com/cubangooficial). As obras também estão disponíveis para download em nosso player https://soundcloud.com/gresacademicosdocubango .

A quadra do Acadêmicos do Cubango fica na rua Noronha Torrezão, 560, em Niterói. O evento começará às 22 horas. A escola levará para a Sapucaí no sábado de carnaval, sendo a quinta a desfilar com o enredo "O rei que bordou o mundo", dos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Borá, disputando o campeonato da Série A da Lierj.
Crianças da Edmund Burke tiveram um “day experience with samba” com a professora brasileira


Acostumada a viajar pelo mundo inteiro ensinando a arte de sambar, Egili Oliveira teve uma experiência inesquecível durante a turnê que vem fazendo nos Estados Unidos. A mulata, que está há dois meses na terra do Tio Sam promovendo workshops em diferentes cidades, foi convidada pelo projeto Planeta Azul, para passar um dia inteiro dando aula de samba para alunos da Edmund Burke Public School, instituição em Chicago, que recebe alunos de baixa renda.

- Foi realmente incrível. Não tinha muita noção do que ia encontrar, já que o histórico desses alunos é de famílias com baixíssima renda e com problemas de diferentes ordens, desde o desemprego até históricos de álcool e drogas. Tenho o costume de dar aulas para adultos em um grupo fechado e, para este “day experience” montei algo que pudesse prender a atenção deles, mostrando também um pouco da cultura brasileira além do samba, conta Egili.

A fórmula deu tão certo que os alunos e professores interagiram deixando os conflitos para fora dos portões do colégio, que tem um dos maiores índices de reprovação de Chicago e onde cerca de 88% dos alunos são negros entre 6 e 14 anos.

- Acredito que, em qualquer lugar do mundo, o que as crianças precisam é de amor e atenção. Vi isso na Burke, quando olhei os professores e alunos interagindo, um momento que me disseram ser raro ali. Temos essa experiência também no Brasil mas não podemos desistir porque elas precisam saber que é possível vencer e a arte pode ser um caminho, comenta a professora de samba que no Carnaval desfila pela São Clemente e pela Renascer de Jacarepaguá.

Egili retorna ao Brasil somente em outubro. Na agenda de workshops estão ainda Los Angeles, San Diego e Arizona onde, além de workshop do ritmo, também será membro de um júri que vai eleger os melhores sambistas do concurso National Samba Competition.






A Escola de samba Independente Tricolor, já tem enredo e samba para o carnaval 2018. 

Com o enredo "Em cartaz: Luz, câmera e terror... Uma produção INDEPENDENTE!" dos carnavalescos Andre Cezari, Roberto Monteiros e Anderson Rodrigues a escola pretende sacudir na sua estreia na elite do carnaval paulistano.

Ela abrirá os desfiles no dia 9 de fevereiro de 2018.









quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Festa contará com Roda de Samba, apresentação do trio de musas da agremiação e show dos segmentos

No próximo dia 20, a Unidos da Ponte vai abrir as portas de sua quadra de ensaios, localizada no coração de São João de Meriti, para dar o pontapé inicial rumo ao carnaval 2018. Com o enredo ‘Romance de Xangô - A Dança do Fogo’, assinado pelo carnavalesco Lucas Milato, a azul e branco de São João de Meriti apresentará as parcerias que entrarão na disputa de samba-enredo. “Nosso processo de resgate continua firme e forte. Já temos o protótipo das fantasias e um cronograma de atividades muito bem definido. Vamos fazer um desfile digno de uma escola tradicional como a Ponte,” adianta Rosemberg Azevedo, presidente da agremiação.

Além disso,a escola fará a apresentação oficial das três musas que vão abrilhantar o desfile da Intendente Magalhães no carnaval 2018, são elas: Patricia Miranda, Marcelly Souza e Ruth Tebaldi. O evento contará com a Roda de Samba e apresentação dos segmentos como passistas, casal de mestre sala e porta bandeira, bateria Ritmo Meritiense do mestre Luygui, Baianas, entre outros. No carnaval 2018, a Unidos da Ponte será a 2ª escola a desfilar pelo Grupo B, dia 13 de fevereiro.

Sobre o GRES Unidos da Ponte

Escola de samba de São João de Meriti que carrega em seu manto as cores azul e branco. Já esteve no Grupo Especial 10 vezes. Atualmente desfila na Estrada Intendente Magalhães pelo grupo B. No carnaval 2017 defendeu o enredo ‘Roberto Ribeiro - O Menino Rei’ no e conquistou a 8ª colocação na disputa pelo Grupo B. No carnaval 2018 levará para a avenida o enredo ‘Romance de Xangô: A Dança do Fogo’ assinado pelo carnavalesco Lucas Milato.

Serviço: Feijoada de Apresentação dos sambas-enredo

Data: 20/08/2017

Local: Colégio Estadual Professor Murilo Braga

Horário: Às 14h

Endereço: Local: R. Roberto Bedran, S/Nº – Centro, São João de Meriti – RJ

Entrada Franca
Comissão de Carnaval

A Lins Imperial que levará para a Intendente Magalhães o enredo “Zicartola” receberá no próximo sábado, 12 de agosto, das 16 às 22 horas, em sua quadra de ensaios, as inscrições dos sambas que concorrerão na disputa que elegerá o hino que a escola desfilará em 2018.

A inscrição de samba-enredo será admitida a todos compositores interessados em fazer parte do concurso e cada obra poderá ter no máximo 5 compositores mais 2 participações especiais. Cada parceria deverá apresentar 05 CDs com gravação de boa qualidade e 20 cópias de letra do samba. Será cobrada uma taxa de R$ 30,00 a cada compositor e participação especial no ato da inscrição de sua obra

A apresentação do samba ao publico será no dia 19 de Agosto às 16 horas. A ordem de apresentação será feita através de sorteio a ser realizado às terças-feiras antecedentes aos sábado de apresentações, durante as reuniões de ala de compositores no período das eliminatórias.

A quadra da escola fica localizada na Rua Lins de Vasconcelos 623. O tema é desenvolvido pelo trio formado pelo carnavalesco Claudio Fontes, pelo historiador Tiago Ribeiro e pelo diretor de carnaval, Flávio Mello.

Fotos: Rodrigo Barionovo

Serviço:

Inscrição dos sambas concorrentes

Dia: 12 de agosto (sábado)

Horário: Das 16 às 22 horas

Local: Quadra de Ensaios – Rua Lins de Vasconcelos 623

Entrada Franca

Siga-nos por Email

Cidade e Entretenimento

Cidade e Entretenimento
Cidade - Eventos - Shows - Gastronomia - Turismo - Utilidade Pública

Arte e Cultura

Arte e Cultura
Teatro - Dança - Artes Plásticas - Literatura

Espaço VIP

Espaço VIP
Famosos - Artistas - Perfil - Biografia - Portfolio

Moda - Beleza - Estética

Moda - Beleza - Estética

Parceria TV G RIO

Parceria TV G RIO
O Mundo Online te vê aqui

Revista MIXTURA TOTAL

Revista MIXTURA TOTAL
Edição 001 da revista eletrônica

Veja mais sobre o CARNAVAL

Veja mais sobre o CARNAVAL
Clique e venha descobrir esse mundo de sonhos numa coleção pra lá de especial.

Samba na Intendente

Samba na Intendente
Parceiro do RITMO CARIOCA

G+ tambem estamos lá !

Já curtiu ?

Acadêmicos do Salgueiro em 19-08-2017

Paraíso do Tuiuti - Passistas

Renascer de Jacarepaguá 2018



Samba Oficial Carnaval 2018

Sambas concorrentes Estácio de Sá 2018

RÁDIO MIXTURA TOTAL

RÁDIO MIXTURA TOTAL
A RÁDIO QUE BOMBA GERAL !

GALERIA DE FOTOS

GALERIA DE FOTOS
Veja aqui tudo que acontece no mundo do Carnaval, coberturas nas quadras, eventos, ensaios técnicos e desfiles. Clique na foto para acessar.

Curso de Design de Carnaval

Novo curso de Pós-Graduação em Design em Carnaval está com inscrições abertas

O Curso de Pós-Graduação em Design em Carnaval é o primeiro no Brasil e está com inscrições abertas. Com duração de dois anos, as aulas se...

Postagens Populares

Twitter